terça-feira, 1 de novembro de 2011

Se a Vida Te Der um Limão...

http://youtu.be/wmQ6Tz9BcfQ
Se a Vida Te Der um Limão...

Se a vida te der a noite de presente
Olha o céu, a lua, constelações, estrelas
Sente a beleza do universo a tua frente!

Mas... Se a vida te der noite mais escura
Ousa! Inventa uma jornada de aventura!

Se a vida te der falta de dinheiro
(o que hoje em dia é muito provável)
Aproveita! Caminha mais e come menos
E leva agora uma vida mais saudável!

Se a vida te der indivíduos maldosos
Que odeiam conversa, mas amam agressão
Releva, esquece, brigar não vale a pena
Lembra de Quintana e sua poesia:
Ele, “passarinho”, mas elas... Passarão!

Se a vida te der mosca que incomoda
E que te rouba toda a concentração
Entrevista a mosca, faz um documentário
E vende tudo para a televisão...

Se a vida te der uma manhã ruim
Em que saíste da cama de pé esquerdo
Seria muito pior, acredita em mim,
Se saísses da cama sem o pé esquerdo

Se a vida te der um banho de água fria
Pense em como a chuva é boa pras plantinhas
E nas flores que terás visto em alguns dias

Se a vida te der... Xi! Um abacaxi...
Não tem problema: faz um suco para ti

Se a vida te der limões, melhor que nada!
Faz destas frutas saborosa limonada

Isso não é uma questão de otimismo,
De acreditar que o futuro será bom...
É questão de ser prático, pois acontece
Que o mais inteligente acaba sendo aquele
Que aproveita o que a vida lhe oferece

Se a vida te der um pé de cana... Gente!
É só destilar e fazer um aguardente!

Se a vida te der granizo e tempestade
Que tu jamais imaginarias que vinha
Pega o limão e o corta pela metade
Mais aguardente, mais açúcar... Bate bem...
Mistura tudo e tens uma caipirinha!

Se a vida te der parada obrigatória
Espera até que tudo volte a ficar verde
Nada para eternamente, diz a História

Se a vida te der uma grande tristeza
Levando quem achaste que não partiria
Lembra-te deles fazendo-lhes homenagens
E repassa pra todos... Esta poesia

(Homenagem a Léo Preto de Oliveira, pai da minha amiga Bel)

P.S.: obrigado pelas correções, pessoal, como sempre meus textos saem cheio de erros. é "vale a pena" e não "vale à pena", pelo que entendi é porque seria "não vale O castigo" e não "não vale ao castigo". Se alguém tiver mais correções, fique a vontade para comentar!

(meus textos para teatro e stand-up estão em: www.euquefiz.com - victor@euquefiz.com)



deje su mensaje en español - leave your message in English - laisser votre message en français - deixe sua mensagem em português
Postar um comentário