segunda-feira, 5 de janeiro de 2009

A Regra de Três

Em seu livro The Comic Toolbox, John Vorhaus menciona uma das técnicas mais conhecidas para criação de piadas, “The Rule of Three”. Se você já viu alguma apresentação stand-up, vai reconhecer que algumas das piadas utilizam esta técnica.

Segundo Vorhaus:

Dois pontos definem uma linha. Uma linha mostra uma direção. Direção implica em expectativa e você pode criar uma piada apenas quebrando esta expectativa.

Ainda segundo Vorhaus, esta “regra” também pode ser chamada de “setup, setup, payoff

Cada piada é construída sobre três passos, no primeira há a introdução, no segundo passo a validação e, no terceiro, violação.

Exemplos:

(SETUP – SETUP – PAYOFF)

Surdo – Mudo – Feio

Ciumento – Avarento – Republicano

Café – Chá – Gás venenoso

Garganta Profunda – Graganta Profunda II – Bambi


E, a aplicação desta regra em piadas vai resultar em algum dos exemplos abaixo:

Três coisas que você nunca deve fazer no futebol: “torcer pelo time visitante”, “gritar palavrões na frente das crianças”, “jogar cerveja em bêbados maiores do que você”.

Três coisas que você deve evitar dizer para a viúva em um funeral: “ele parece estar em paz”, “ele foi para um lugar melhor”, “ele fica lindo deitado”.

Três coisas que você deve levar a uma auditoria do imposto de renda: “cópias da declaração de anos anteriores”, “cópias de todas as notas fiscais emitidas”, “uma arma de pequeno calibre”.


Atenção: vários autores (incluindo Vorhaus) comentam que, por ser muito utilizada no passado, devem ser evitados, esta técnica não deve ser usada com freqüência ou seu texto vai ficar muito óbvio e forçado.
Meus textos para teatro e stand-up estão em:
www.euquefiz.com
Postar um comentário